Arquivo da categoria: Poema

Sonho, imaginação… Quase obsceno

A imaginação jorrava fértil                      Adormeci pensando em você                                      Sensação de pleno deleite                                                      Não era simples enfeite                                                                   Tanto que se ficava erétil Seus lábios sensuais atrevidos                     Entre os meus se prendiam                                   Picantes, ardentes, mordidos.                                                                   Seus … Continuar lendo

Publicado em Poema | 8 Comentários

No entanto eu sigo…

  No entanto, eu sigo…   Sigo por caminho incerto Parece um sonho fadário Vagueio sem destino… A alma em estado precário O coração se esvai em pranto O tempo se exaure sem encanto. No entanto, eu sigo… Revejo o … Continuar lendo

Publicado em Poema | 18 Comentários

Minha Rainha

Minha Rainha Não sei o que me acontece   quando estou perto de ti   parece que sou um estouvado   só você é que me deixa assim   seria este aquele amor sem fim   estaria você prometida pra … Continuar lendo

Publicado em Poema | 9 Comentários

Submissão…

Submissão… Por que me atastes assim tão fortemente se de mim não queres nada intimamente liberta-me deste seu jugo incremente quebra por favor, os elos de sua corrente libera por caridade minha alma cativa pois meu corpo jaz nesta terra … Continuar lendo

Publicado em Poema | 13 Comentários